5 opções de delivery para um Dia dos Namorados saboroso em casa

Em 2020, o Dia dos Namorados será um pouco diferente do que os casais estão acostumados. Mas não é por esse motivo que os apaixonados não terão uma experiência única, repleta de charme e sabores. Diversos empreendimentos da capital paranaense lançaram cardápios e ações especiais via delivery para a data mais romântica do ano. Para te ajudar a encontrar opções que combinam com você e seu amor, preparamos uma lista com cinco opções de jantar, bebida e sobremesas para você encomendar nesta sexta-feira, dia 12 de junho. Confira:

Empório Rosmarino: O Empório Rosmarino traz opções para um jantar completo, que precisa ser apenas finalizado em casa. O menu conta com seleções de finger-foods, entradas e sobremesas diversas. Entre os pratos principais estão clássicos como o Ravioli “coração” recheado com queijo brie e pera ao molho de limão siciliano; e o Ravioli “coração” recheado com maçãs assadas e ricota cremosa ao molho de nozes. Os pedidos podem ser retirados na loja do Empório Rosmarino no bairro Batel (Rua Fernando Simas, 347) ou recebidos em casa com entrega agendada. Mais informações pelo telefone (41) 3324-3010, WhatsApp (41) 98788 1633 ou e-mail rosmarino@emporiorosmarino.com.br.

Kibô: O recém-inaugurado Kibô Japanese Lounge Bar, que carrega toda excelência do Bourbon Curitiba Convention Hotel, preparou um box especial com suas melhores iguarias e, ainda, se uniu com a Maison Perrier-Jouët para oferecer um pacote incrível com o champanhe da marca e um arranjo de flores exclusivo para quem preferirem celebrar a data no conforto de suas casas. O Box Especial de Dia dos Namorados (R$ 220), disponível via delivery, é composto por 30 peças. Já o pacote em parceria com a Maison Perrier-Jouët, que custa R$ 620, vai acompanhado de uma garrafa de Champanhe Perrier-Jouët Brut e um arranjo de flores selecionadas, além de contar com o serviço de entrega premium, realizado por carros executivos e motorista particular. Os pedidos devem ser realizados por meio do pelo telefone (41) 3221-4600 ou pelo WhatsApp (41) 99215-2779.

Cuore di Cacao: A Cuore di Cacao, uma das principais chocolaterias do Brasil, preparou uma linha romântica exclusiva para a data. Um dos destaques é a “Caixa Corações” (R$ 130), uma luxuosa caixa em vidro com 25 corações recheados com ganache de damascos e champanhe. Para os casais clássicos que não dispensam a combinação de flores e chocolates, a Cuore apresenta o Buquê de flores “Eu te amo!” (R$ 158), um buquê de flores artesanais em tecido acompanhadas por 20 trufas de champanhe. Os pedidos, com entrega em casa, podem ser feitos exclusivamente pelo WhatsApp (41 98788-1633) ou telefone (41 3014-4010).

Cookie Stories: A Cookie Stories, principal casa de cookies do Brasil, preparou opções de kits especiais para serem consumidos em casa, perfeitos para presentear a sua alma gêmea. Entre as deliciosas opções estão os Valentine’ S’mores (R$ 30), uma marmitinha contendo os adorados Smores Dip, uma ganache de chocolate meio amargo, coberto por marshmallows delicadamente tostados, que precisam apenas serem finalizados em casa e consumidos quentinhos. O kit acompanha ainda quatro cookies de coração para que podem ser mergulhados diretamente no chocolate e marshmallows. O serviço de delivery é encontrado nos aplicativos iFood e James Delivery e, também, pode ser solicitado diretamente no telefone da loja e WhatsApp (41 3077-0601), com delivery próprio.

Way Beer: Para completar o cardápio de Dia dos Namorados, não pode faltar uma bela cerveja artesanal.A Way Beer, uma das grandes referências do mercado cervejeiro nacional, preparou uma ação especial para a data mais romântica do ano: 4 latas de 1 litro cada por apenas R$ 79. E o melhor, frete grátis em Curitiba e região. O público terá à disposição quatro rótulos de sucesso da cervejaria: Red Ale, Avelã Porter, IPA Loka e Half Pilsen. Os pedidos podem ser feitos pelo telefone (41) 99992-0063.

Prefeitura de Curitiba relata dificuldades para monitorar todos os casos ativos da Covid-19

A Prefeitura de Curitiba afirma estar com dificuldades para monitorar todos os casos ativos da Covid-19 na cidade.

Dados desta sexta-feira (4) apontam que são 13.238 casos ativos na capital, correspondentes ao número de pessoas com potencial de transmissão do vírus.

“Acompanhar todos os casos ativos em Curitiba não é possível. Por isso, hoje, a gente chama à adesão da população para que entrem em isolamento, não burlem esse isolamento, para que a gente possa focar naqueles mais vulneráveis”, afirmou Alcides Oliveira, diretor do Centro de Epidemiologia da prefeitura.

Infogripe indica que 13 capitais têm tendência de avanço da covid-19

O boletim semanal Infogripe divulgado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) revela que 97,7% das ocorrências de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) reportadas no país em 2020 e com exame positivo para alguma infecção viral se deram em decorrência da covid-19. De acordo com os pesquisadores envolvidos no levantamento, os dados divulgados hoje (3) também mostram um avanço da doença.

“O registro de crescimento que vem se observando em todo o território nacional durante o mês de novembro sugere a necessidade de cuidado redobrado ao longo do mês de dezembro. Ações de conscientização e prevenção devem ser tomadas para evitar que as tradicionais aglomerações no comércio e nas celebrações de fim de ano agravem o quadro atual”, alerta o boletim.

O levantamento traz uma análise para as próximas três semanas (curto prazo) e para as próximas seis semanas (longo prazo). Das 27 capitais, 13 registram  sinal moderado ou forte de crescimento na tendência de longo prazo: Campo Grande, Curitiba, Goiânia, Maceió, Palmas , Salvador, Belo Horizonte, Cuiabá, Manaus, Brasília, Rio de Janeiro, São Luís e São Paulo.

Em apenas quatro estados, as tendências de curto e longo prazo apresentam sinal de queda ou estabilização em todas as suas macrorregiões de saúde: Acre, Amapá, Roraima e Sergipe. Essa situação também ocorre no Distrito Federal.

Todas as regiões do país foram classificadas em zona de risco e com ocorrência de casos muito altos na semana epidemiológica entre 22 e 28 de novembro. A íntegra do boletim está disponibilizada no portal da Fiocruz.

Síndrome respiratória

O Infogripe leva em conta as notificações de SRAG registradas no Sivep-gripe, sistema de informação mantido pelo Ministério de Saúde e alimentado por estados e municípios. A nova edição se baseia nos dados inseridos até  segunda-feira (30).

A SRAG é uma complicação respiratória associada muitas vezes ao agravamento de alguma infecção viral. O paciente pode apresentar desconforto respiratório e queda no nível de saturação de oxigênio, entre outros sintomas.

As notificações de SRAG em 2020 aumentaram em decorrência da pandemia do novo coronavírus (covid-19), Sars-CoV-2.

No ano passado, foram reportados 39,4 mil casos. Neste ano, já são 584.176, dos quais 54,8% tiveram resultado laboratorial indicando presença de algum vírus respiratório.

Entre as ocorrências com exame positivo para infecção viral, foram identificados quadros de SRAG associados não apenas ao novo coronavírus (97,7%), como também ao vírus influenza A (0,4%), ao vírus sincicial respiratório (0,4%) e ao vírus influenza b (0,2%). Quando analisados os casos que evoluíram à óbito, 99,3% estão vinculados ao novo coronavírus.

Este ano já são 141.351 mortes por SRAG. Em 2019, foram 3.811.