Paraná tem 720 novos casos e 10 óbitos pela Covid-19

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou neste domingo (25) novo boletim epidemiológico que mais 720 casos confirmados e 10 mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus.

Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 205.371 casos e 5.053 mortos em decorrência da doença.

Internados 

Neste domingo, 710 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados. São 582 pacientes em leitos SUS. Destes, 262 ocupam UTIs e 320 estão em leitos clínicos.

Outros 128 estão em unidades da rede particular, sendo 39 em UTIs e 89 em enfermaria.

Há mais 801 pacientes internados, 377 em leitos UTI e 424 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo Sars-CoV-2.

Óbitos

A secretaria estadual informa a morte de mais 10 pacientes.  São 4 mulheres e 6 homens, com idades que variam de 55 a 91 anos. Todos estavam internados e os óbitos ocorreram entre 8 de setembro e 24 de outubro.

Os pacientes que foram a óbito residiam em: Curitiba (5), Cambará, Castro, Irati, Itambaracá e Rebouças.

Fora do Paraná

O monitoramento da Covid-19 registra 2.178 casos de residentes de fora, 49 pessoas foram a óbito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MPPR ajuíza ação contra ex-prefeito Reni Pereira por não haver empenhado verbas para pagamento da previdência dos servidores municipais

O Ministério Público do Paraná, por meio da 6ª Promotoria de Justiça de Foz do Iguaçu, no Oeste do estado, ajuizou ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra o ex-prefeito da cidade no mandato 2013-2016. O então gestor teria deixado de empenhar e liquidar despesas para cobertura do déficit atuarial dentro do exercício de 2014, no montante aproximado de R$ 5,2 milhões (cerca de R$ 7,7 milhões em valores atualizados).

Conforme a ação, a Lei Municipal 4.030/2012 e o Decreto Municipal 23.568/2014 estabeleceram que o aporte mensal para cobertura do déficit atuarial do Município de Foz do Iguaçu em 2014 seria de 11% para o Fundo Previdenciário e 18% para o Fundo Financeiro, incidentes sobre a folha dos inativos e pensionistas. Entretanto, o Tribunal de Contas do Estado do Paraná, ao analisar as contas do Município referentes ao exercício de 2014, concluiu que houve irregularidade consistente na realização de despesas sem prévio empenho (aportes para cobertura do déficit atuarial), o que não é permitido pela legislação.

O MPPR sustenta que a conduta do ex-prefeito “de contrair despesas sem prévio empenho consubstanciou flagrante violação ao princípio da legalidade”. Por isso, requer na ação a condenação do ex-chefe do Executivo de Foz do Iguaçu às sanções previstas na Lei de Improbidade, como suspensão dos direitos políticos e pagamento de multa.

Ligeirinhas do Busão Foz 02/12

• Entrevista com o autor do livro A Tríade, o goiano Felipe Aires. Vampiros não se alimentam de sangue e são essenciais para a manutenção da vida. A maioria apenas coexiste, mas alguns se tornam viciados e grandes assassinos. Quer saber o resultado, assista a entrevista.

• Dicas de Leitura com o nosso curador João Victor Filgueira.

• Até onde o preconceito nos leva. – autora Ana Beatriz – TOP 6 Ficção no aplicativo Wattpad.

• As Nornas: O Candelabro Vara Sete – Gilberto Rios – TOP 3 – Imaginário (Fantasia) no aplicativo Wattpad.

• A Comédia dos Erros – William Shakespeare no aplicativo Wattpad.

• Jornadas Inversas. Uma poesia para cada instante. Copilado de 20 poesias. – João Victor no Kindle da Amazon.

• Pandemia do Coronavírus. O Mundo discute as vacinas, veja como Inglaterra, Alemanha, Turquia, Rússia, China e Brasil vão lidar com a vacina do coronavírus.

Programa exibido 02/12/2020 na BandFM

Apresentação: Gilberto Rios, Vivien de Lima, João Pedro e Weverton. Participação especial do curador de literatura João Victor Filgueira. Rádio Band FM (Foz do Iguaçu) 100,5 semanalmente no horário 12h/13h.